<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d15932754\x26blogName\x3db-site\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLACK\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://thebsite.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://thebsite.blogspot.com/\x26vt\x3d-4232449209465221699', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

segunda-feira, novembro 07, 2005

Rádio Pirata do Ar #2

Leonard Cohen viveu cinco anos num mosteiro na Califórnia, rodeado de monges budistas. Foi o seu período asceta no final dos anos 90. Durante esse tempo, a sua manager e antiga namorada (bela mistura) dedicou-se a arrecadar, para os seus próprios bolsos, milhões de dólares com a venda dos direitos de autor. Ao que parece, Cohen, de volta ao mundo rasteiro, teve há algumas semanas de hipotecar a casa e vender outros bens para resolver os problemas financeiros causados por esse episódio. Escreve o jornalista da Uncut, com piada:

At least his years of monastic comtemplation have allowed him a philosophical outlook on events: "I have no money left. I'm not saying it's bad. I have enough of an understanding of the way world works to understand that these things happen," he says in what is presumably the Zen equivalent of "shit happens".

Também Tom Waits anda nos tribunais porque uma imitação da sua voz (e quantas noitadas e copos de bourbon esta tarefa não terá custado ao imitador) apareceu num anúncio de carros produzido na Alemanha. Tom Waits sempre recusou o uso da sua música em publicidade e terá dito desta vez: While the court can't make me active on the radio, I am asking it to make me radioactive to advertisers.

Os songwriters, mesmo os sublimes, também sofrem com os mundanos ventos.

Daniel M.